Rss Feed
  1. Olá pessoal, como estão?

    Hoje estou com uma divulgação de um livro, que muitos de vocês podem gostar. Estou falando do livro A PRIMEIRA CARTA do autor Erivaldo Manoel.
    Eu achei bem interessante a sinopse do livro, pois vai mostrar a vida normal de nós e nossas aflições, amores e tudo o que sentimos. Uma coisa bem realista que todos passam.
    Ficaram curiosos? Saibam mais sobre o autor e livro.

    SOBRE O AUTOR

    “Jamais olhe com desprezo para o seu passado, pois é por causa dele que você está onde está. Foram as aprendizagens vividas que lhe trouxeram a experiência e a possibilidade de um futuro melhor”.
    Erivaldo Manoel iniciou a trajetória como escritor aos 14 anos de idade, quando rascunhava em pedaços de papel alguns contos e histórias. Desde então não parou mais de se aventurar no mundo da escrita, e os rascunhos evoluíram no que viria a tornar-se seu primeiro título: “A PRIMEIRA CARTA”. Estudante de pedagogia na Faculdade de Mauá – FAMA/UNIESP, voluntário e monitor de Alfabetização e Letramento, o autor dedica seu tempo livre à escrita.
     Atualmente está trabalhando em sua primeira trilogia. “É realmente fascinante o mundo que podemos construir com as palavras”.

    CONTATOS:


    INSTAGRAM: @escritorerivaldomanoel

    Twitter: @ErivaldoManoel

    SOBRE O LIVRO

    Quem nunca passou por momentos de aflição ou de paixão? Quem já não sofreu por perder um ente ou ainda, sentiu mal compreendido no mundo? Você com certeza já teve diferentes amizades com as quais viveu diversas situações quase que exclusivas e únicas. Passou por grandes dificuldades e teve que escolher várias vezes entre o que achava certo e o que realmente era. Superou barreiras que muitas vezes julgou ser incapaz de vencer. Amou incondicionalmente alguém a ponto de perder-se. Venha conhecer Santa Luzia e viver Dill Vorantin na busca e espera constante por Wendel.


    O que acharam sobre o livro? Digam nos comentários.

    Não se esqueçam de me seguir no Facebook, Twitter, Instagram, YOUTUBE e Skoob. Sempre deixo coisas por lá.

    Espero que tenham gostado.

    Até a próxima.
    |


  2. 0 comentários :

    Postar um comentário